Turistas da “Ilha do Sexo” Podem Ter Surpresa Desagradável ao Chegar na Ilha

Os turistas que forem para a “Ilha do Sexo” poderão ter uma surpresa bastante desagradável, já que as autoridades colombianas se comprometeram a deportar qualquer pessoa que frequente o local.

O feriado oferecido pela companhia Good Girls Company anunciou uma viagem de 4 dias em uma ilha misteriosa do Caribe.

Uma “estrela pop britânica muito conhecida” está entre os turistas que reservaram um lugar nessa viagem com destino a uma ilha tropical onde os convidados podem se divertir com 16 garotas ao mesmo tempo de acordo com os organizadores.

Um cantor misterioso que já teve muitas de suas músicas no topo das listas das mais tocadas pagou cerca de R$13.500,00 por sua viagem de 4 dias na ilha do sexo para sexo ilimitado.

Outro cantor famoso de pop dos Estados Unidos também confirmou presença nessa viagem do sexo, onde drogas são liberadas em uma ilha não revelada pelo grupo que organiza o evento.

Porém, as autoridades colombianas prometeram deportar todas as pessoas que chegarem no país sul-americano com destino a essa viagem.

Eles disseram anteriormente que os organizadores poderiam ser presos por oferecerem esse feriado da ilha do sexo.

O prefeito local, Sergio Londono, que estava furioso, prometeu que as autoridades não irão permitir que aconteça a experiência “amigável às drogas”.

Ele disse no Twitter: “Inaceitável que eles queiram nos vender como um destino sexual. Esse não é o turismo que representamos”.  

O ministro do Interior da Colômbia, Fernando Niño, também entrou para o grupo que quer acabar com a viagem, dizendo que precisam de permissão oficial para que ocorra esse turismo sexual, e isso não seria concedido.

Ele disse: “Isso não responde às políticas contra ofensas sexuais, abuso sexual, pornografia e, por essa razão, não damos autorização”.

Um sacerdote local de Cartagena, a cidade ao norte da Colômbia onde está a sede da empresa, até reclamou com o Papa sobre a devastação.

Os organizadores insistiram que a viagem iria acontecer e revelaram detalhes sobre o que exatamente os hóspedes podem esperar.

As pessoas que pagarem o preço de cerca de R$5.000,00 pelo pacote de ouro da viagem serão alojadas em uma enorme vila com uma “vista perfeita” e em seus quartos terão uma cama king-size, TV e ar condicionado, juntamente com uma série de filmes pornô.

A empresa Good Girls Company afirma em seu site: “Se você quer se sentir como um rei, esta é a sua melhor opção. Aproveite a melhor viagem exclusiva para três, você e duas garotas, como sua namorada amorosa, a primeira em serviços, atenção e eventos.”

As pessoas que pagam por essa viagem irão receber duas meninas por 24 horas para “satisfazer todas as suas necessidades”, diz a empresa responsável pela viagem.

O site acrescenta: “Todas as refeições, transporte, spa, passeios a cavalo, experiência em clube noturno VIP, garrafa de champanhe, passeio de helicóptero, extras, eventos e passeios estão incluídos.”

As pessoas irão pagar pela viagem e terão duas meninas 24 horas disponíveis para “satisfazer as suas necessidades”, afirmou a organização do evento.

“Na Good Girls nosso objetivo é transformar as suas fantasias em realidade. Nossa empresa irá te satisfazer e te tratar como um rei.”

Good Girls está ganhando cada vez mais destaque por levar homens a essa ilha do sexo.

Outras cenas no vídeo da empresa mostram um homem que faz a sua refeição no corpo nu de uma das estrelas femininas, enquanto que outras mulheres vestem uma fantasia sexual de uma criada francesa.

Em seu site, a empresa diz que os clientes poderão “viver a vida como sempre sonharam” e descreve isso como “um ambiente discreto e bonito para que os homens realizem suas fantasias sexuais mais loucas”.

Sessenta prostitutas competirão pela atenção de 30 homens durante a viagem, revelou a empresa.

Um itinerário para o feriado informa aos potenciais turistas que haverá uma sessão de sexo no primeiro dia em que todos poderão participar.

No dia seguinte, será oferecido meia hora com 16 garotas ao mesmo tempo para cada cliente, enquanto que no terceiro e quarto, haverá festas em um iate de luxo para 100 pessoas com DJs.

Embora a prostituição não seja ilegal na Colômbia, ser cafetão é crime.

Os anúncios disponíveis no site do grupo incluem massagens eróticas e sexo a três, assim como passeios a cavalo e golfe para aqueles que não querem passar o tempo todo no quarto.

Agora, basta saber se o passeio a ilha do sexo realmente aconteceu, ou se conseguiram acabar de vez com essa viagem que para muitos, leva até o paraíso.

RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Se tivesse essa grana disponível, você arriscaria ir a essa viagem à Ilha do Sexo, mesmo sabendo do risco com as autoridades colombianas? Comente abaixo!

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*