Sexo Perigoso: Cientistas Descobrem Quais São As Posições Sexuais Mais Perigosas

Com certeza já aconteceu com várias pessoas, e pode até já ter acontecido com você. Enquanto estava no meio do “rala e rola”, aproveitando ao máximo a situação, algo terrível acontece.

O guarda-roupas cai em cima do casal, a cama quebra, de alguma maneira o homem fratura o pênis, e tem que sair correndo para o pronto-socorro vestindo uma estranha fantasia sexual.

Cientistas brasileiros estavam tão fascinados com o assunto que decidiram pesquisar mais a respeito do sexo perigoso.

O resultado da pesquisa foi publicado no ano passado, e revelou que a porcentagem de homens com fratura no pênis devido a posições sexuais são:

  • 21.4% com o homem por cima;
  • 28.6% de quatro;
  • 50% com a mulher por cima.

De acordo com o estudo, a posição em que a mulher fica por cima é a mais perigosa, e causa maior risco de fratura peniana.

Os especialistas brasileiros dizem: “Quando a mulher está por cima normalmente é ela quem controla o movimento com todo o seu peso corporal aterrissado diretamente no pênis ereto, não sendo capaz de parar quando o pênis sofre uma forma de penetração errada, porque o dano é geralmente menor na mulher que não sente dor, porém é grande no pênis. Quando o homem está controlando o movimento, ele tem mais chances de parar a penetração em resposta à dor que está relacionada ao dano ocorrido no pênis, e assim minimizá-la.”

Quão ruim pode ser uma fratura peniana?

Primeiramente, o homem que sofre uma fratura peniana sente muita dor, mas esse não é o maior nem único problema, já que há outros sintomas alarmantes. Em 50% dos casos, um som de estalo pode ser escutado, e este som é horrível e pode ser escutado em meio ao excesso de entusiasmo.

Além disso, em 80% dos casos, os homens perdem a sua erreção imediatamente, e nos outros 20% eles apenas escutam o estalo e continuam achando que nada aconteceu. Infelizmente, dois homens que participaram do estudo sofreram danos de longo prazo sob a forma de disfunção erétil.

Isso não significa que você deve voltar á posição tradicional e transar apenas no velho estilo papai e mamãe. Embora os resultados sejam convincentes, um dos problemas deste estudo foi o tamanho da amostra.

O hospital só foi capaz de encontrar 44 pacientes com fratura peniana que poderiam ser utilizados na pesquisa. Destes homens, 28 ficaram feridos ao ter relações sexuais heterossexuais, e quatro durante relações sexuais homossexuais.

Seis homens de alguma forma conseguiram fraturar seu pênis através da “manipulação do pênis” ou seja, a famosa masturbação, e quatro acabaram com seus pênis ferido de forma não muito clara… Mas você pode imaginar como!

A moral desta história? Tenha cuidado com o sexo perigoso, escolha posições sexuais que sejam mais confortáveis e menos perigosas para o seu membro!
[sc:muito-bom-de-cama-depois-artigo]

Você utiliza com frequência essas posições sexuais mais perigosas? Em alguma situação acabou levando a pior? Comente abaixo!

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (4 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

6 Comentários

  1. Eu já quebrei o do meu namorado, acho que faço parte desse 50%. E nossa eu fico frustrada até hoje, ele ficou muito irritado comigo pela dor e por não conseguir andar direto. Mas espero que isso não aconteça de novo kkk

  2. Conheço uma enfermeira chefe q disse q já cuidou de um paciente q quebrou o pau kkkkkkkkkk

    Complicado também tem uns cara sem noção tipo os q quer colocar pau na onde não deveria …..

  3. Queria achar uma mulher q quebrace o meu! Duvido ele parece um osso!

  4. meu pau é maior que de todos aqui…
    quem ai duvidar olha pra traz que você vai ver

  5. Eu to muinto inprecionado mais nunca sofre algomas fraturas no penis por tranzar com alguen nem a ponhetar

  6. Só de imaginar a situação do pau quebrando, me dá um frio na espinha.

    Até agora não conheçi ninguém que tenha passado por isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *