Esposa Insatisfeita

O Que Fazer Quando a Mulher Quer o Divórcio e Você Não

Todo casamento tem seus altos e baixos e a maioria dos casais normalmente atravessa ambos sem muitos danos. Mas quando confrontados com uma parceira que anuncia que o casamento acabou, as coisas podem parecer completamente irremediáveis. Leia sobre como descobrir o que fazer quando sua mulher quer o divórcio e você não.

Avalie sua posição verdadeira

Você pode ou não ter percebido, mas provavelmente quando a mulher quer o divórcio e anuncia isso, você fica em choque. Já que ela deixou claro que decidiu que quer terminar o casamento, você agora tem que se perguntar o que quer e por quê. Se você não quer o divórcio, considere se as razões para isso são fortes o suficiente para gastar tempo e esforço para salvar o casamento.

Apesar do que sua esposa pensa, você pode estar razoavelmente feliz no seu casamento ou mesmo se sabe que as coisas estão longe de serem perfeitas, você ainda a ama e quer fazer o casamento funcionar. Você pode até valorizar as vantagens práticas dos atuais arranjos de vida e acreditar que não pode pagar uma pensão grande para ela ou filho. Sejam quais forem suas razões para você não querer o divórcio, decida se elas valem a luta pelo seu casamento. Justificativas como “o divórcio pode ser ruim para as crianças” são improváveis de significar muito se elas estão sendo expostas a brigas diárias entre você e sua esposa.

Aceite que há um problema

Mesmo que decida que não quer o divórcio e que está disposto a tentar salvar seu casamento, você precisa entender e aceitar que uma ruptura ocorreu. Então quando sua mulher quer o divórcio, você pode dizer “entendo” ou ao menos “compreendo”. Isso implica que você percebe e entende a realidade que seu casamento está em maus lençóis. Por outro lado, se você responder ao anúncio dela com raiva, negação, ficar na defensiva e explicações longas do porquê de sua esposa estar errada e você certo, você acabará perdendo a empreitada antes mesmo de ela começar.[sc:artigos_relacionados]

Perceba que se sua esposa já se decidiu, então ela pensou muito sobre todos os possíveis argumentos e contra-argumentos que você pode ter. Se você ficar calmo e admitir que aceitou a posição mesmo se não concordar com as razões dela, ela perderá a necessidade de ser agressiva e combativa e isso dará mais espaço para salvar seu casamento.

Considere as razões

Se sua mulher quer o divórcio, deve haver motivos para ela pensar assim. Você pode ou não saber o que é, mas ainda assim tente encontrar tempo para sentar-se e anotar seus pensamentos sobre a exigência do divórcio por sua esposa. Talvez ela esteja tendo um caso ou se sentindo infeliz no casamento por algum motivo. Ou talvez ela esteja cansada de aturar algum aspecto negativo do seu comportamento.

Frequentemente as razões não são simples e são um acúmulo de anos de insatisfação e egoísmo dos dois lados. Mas deve haver um ponto de ruptura que disse à sua esposa “esse é o limite e pronto”. Então, se você realmente quer salvar seu casamento, você precisa ser honesto consigo mesmo sobre o que faz sua esposa chegar a tal decisão. Apenas quando for capaz de zerar o placar dos motivos por trás da proposta do divórcio, você pode fazer algo para pará-lo.

Decida o que pode mudar

Se você quer impedir sua esposa de seguir com o divórcio, veja que mudanças no seu comportamento possam fazê-la repensar sua decisão. Para isso, você precisará entender as razões por trás da proposta do divórcio e mudar de acordo com elas. Se sua esposa reclamava da sua negatividade e hábito de criticá-la, veja o que pode ser feito para ser mais positivo e generoso. Ou se ela quer te deixar porque você não consegue parar em um emprego, considere como você pode provar a ela que está disposto a ser mais responsável.

Pode ser difícil se ela quer sair porque está tendo um caso, mas mesmo aqui você pode concordar em dar a ela o que quer que seja que ela sentia que faltava no casamento, como apoio emocional, compreensão e mais valorização. Entretanto, fique longe de lamentações, reclamações ou de dar evidência de sua carência. Ao invés de pressionar sua esposa ou defender-se com argumentos, prove sua disposição a melhorar seu casamento com mudanças reais e notáveis no seu comportamento. No geral, ser calmo, positivo e agradável pode não fazê-la mudar de decisão imediatamente, mas a convencerá de que as coisas podem mudar e de que não precisa seguir para o ponto sem volta.

Procure ajuda profissional

Apesar dos seus melhores esforços, há um limite do que você pode fazer quando a mulher quer o divórcio e você tenta assegurá-la de que isso não precisa ser a resposta final para os problemas e que há outras saídas. Caso ela continue a querer o divórcio ou seja infiel, ofensiva ou qualquer coisa que ponha a sua vida e casamento em um risco grave, sugira um conselheiro matrimonial. A terapia pode ajudar imensamente a descobrir a fonte do conflito e sugerir maneiras práticas, imparciais e eficazes para resolver as diferenças maritais. Mas mais do que isso, ela pode também fazer com que você saiba quando prós pesam mais do que os contras e se faz mais sentido separar os caminhos.

Mesmo que sua esposa não concorde em ir com você, comece indo a um terapeuta sozinho. Com o tempo, sua esposa pode concordar em acompanhá-lo e mesmo se não, não há dúvida de que, de qualquer maneira, as sessões te ajudarão.
[sc:mestre-da-seducao-depois-artigo]

A sua mulher quer o divórcio e você sente que ainda há outras maneiras para consertar o seu casamento? Quais são os motivos para ela querer isso? E por que a sua opinião é diferente? Comente abaixo sua situação!

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (4 votos, média: 1,75 de 5)
Loading...

Um comentário

  1. Renato Teixeira

    minha esposa quer o divórcio após um desentendimento entre mim e meu enteado,ela alega que a situação financeira é a principal fonte disso,temos duas crianças com idades entre 5 e 7 anos que estão sentindo muita minha falta,pois após o desentendimento,sai de casa e ja tem 4 meses,estou deprimido e tb desempregado, não sei mais o que fazer para tentar salvar meu casamento,pois ela não quer conversar e só me ataca com cobranças,o que faço ? alguém pode me ajudar ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *