Famoso Diretor de Filmes Pornô Revela a Verdade Sobre as Filmagens

Quando pessoas normais estão assistindo à pornografia, elas muitas vezes podem considerar os atores como super-heróis sexuais, até mesmo se esquecendo que aquilo é pura atuação.

Por isso, o famoso diretor de filmes pornô norte-americanos Seymore Butts revelou algumas verdades que não sabemos que acontecem nas filmagens de um filme pornô. Ficou interessado em saber o que realmente acontece nos bastidores? Confira o que ele disse:

Ainda me lembro dos pensamentos que corriam na minha cabeça na época em que eu apenas assistia a vídeos pornô. Eu pensava “Como ele faz aquilo? Como o pênis dele é grande! Como o corpo dela é perfeito! Ela é insaciável!”

E isso é bom. Como diretor, espero que seja isso o que os espectadores pensem ao assistir a um dos meus filmes. Planejo, filmo, posiciono, e edito especificamente para induzir esse tipo de pensamento. Eu crio fantasias.

Porém, os problemas começam quando os telespectadores esquecem que essas são apenas fantasias e perdem a perspectiva. Eles têm inseguranças sobre si mesmos e suas próprias habilidades sexuais. Eles começam a pensar coisas como, ‘Eu queria que meu pênis fosse grande assim! Gostaria que minha namorada fizesse isso! Eu queria poder ser tão espontâneo e ereto desse jeito!’

Bom, adivinhe? A pornografia que você vê em seu computador ou TV não é um reflexo preciso do que acontece na vida real. Eu não apenas quero dizer da sua vida, estou falando sobre os atores pornográficos criando todo esse sexo impossível que você está assistindo. Você está apenas vendo uma pequena fração do que realmente aconteceu.

Prepare-se para aprender algumas verdades difíceis.

Sobre pênis gigantes:

Sim, a maioria dos artistas do sexo masculino na pornografia tem pênis grandes. Você pode ficar impressionado com seu tamanho, mas você sabe quem não está tão animado por um pênis gigantesco? As atrizes pornô.

Há apenas uma certa porcentagem de mulheres que realmente podem lidar e desfrutar de um pênis anormalmente grande. Encontro situações como esta constantemente quando estou filmando, e vejo os sinais quando vejo outros filmes para adultos.

Há uma óbvia careta de dor no rosto da atriz – porque ele é muito grande para ela, e dói – ou a mão da mulher no quadril do homem para evitar que ele penetre muito fundo, quando ela tenta ser menos óbvia.

Costumo editar esses “indicadores de dor”, porque pelo menos para mim, isso é uma distração. Isso tira a fantasia e apenas lembra que estes são atores que fazem um trabalho.

Sobre maratonas de sexo:

Nós nos acostumamos a assistir a filmes pornôs em que qualquer um dos caras consegue durar de 20 a 60 minutos em, literalmente, qualquer lugar e situação.

O que você não vê é o que acontece antes que as câmeras comecem a rolar. Como são tomados os comprimidos e como são aplicadas injeções nos pênis. Na minha experiência, 95% dos artistas do sexo masculino usam algum tipo de medicação de aprimoramento erétil, e aqueles que não usam, não conseguem durar tanto tempo assim também.

Você só vê o produto acabado, então você não vê tudo o que acontece durante uma sessão de filmagem… As pausas para comer e beber, ou recuperar o fôlego, ou recuperar uma ereção, o que também pode significar uma outra pílula ou colocar uma outra agulha na base do pênis do artista.

Há pausas para banheiro, pausas para a relubrificação e pausas para tirar fotos. É infinito.

Verdade seja dita, nem os artistas do sexo masculino ou feminino estão realmente querendo fazer isso por todo esse tempo sem parar em nenhum momento. E apesar de muitos dos atores pornô poderem durar um tempo anormalmente longo, sob o que parece ser a mais prazerosa das circunstâncias, há consequências.

Desafio qualquer homem que tenha interesse: experimente fazer sexo por longos períodos de tempo, de 6 a 7 dias por semana, durante um período de 60 dias. Veja o que acontece com o seu pênis.

Agora imagine ter toda essa quantidade de atividade sexual ao longo de um período de anos. Com essa carga de trabalho colocada sobre ele, o pênis dos artistas do sexo masculino torna-se dessensibilizado ao ponto em que muitos deles não conseguem ejacular enquanto fazem sexo.

Eles precisam se afastar e chegar ao orgasmo manualmente, ou pior ainda, eles desenvolvem uma tolerância aos medicamentos de disfunção erétil e não conseguem mais ficar duros.

Sobre sexo anal espontâneo:

O sexo na pornografia é projetado para parecer espontâneo, mas nada pode estar mais longe da verdade. Especialmente quando se trata de sexo anal.

Antes de uma cena, as artistas do sexo feminino têm muita preparação prévia, onde são feitos vários enemas (porque você precisa ter certeza de que aquele pênis gigantesco que ela mal tolera não irá desencadear uma tsunami de fezes) para reduzir ou eliminar o consumo de alimentos em qualquer lugar entre 4 a 12 horas antes do tempo de trabalho. Porque, bem, não há nada pior do que filmar uma cena anal com uma atriz que está com esse tipo de problema.

Pense nisso na próxima vez que você estiver assistindo a pornografia. A atriz provavelmente está morrendo de fome – no set, quase podemos ouvir o estômago grunhindo – e ela fez mais enemas naquela manhã do que os moradores de uma casa de repouso.

Sobre libidos insaciáveis:

Claro, há atrizes do sexo feminino que estão lá puramente para o sexo, mas elas são raras.

Minha experiência me diz que a maioria das mulheres está na pornografia pelo dinheiro em primeiro lugar, seguido pela adulação, depois pela liberdade e depois pelo sexo.

Algumas delas não gostam de sexo. Algumas delas são estritamente heterossexuais e não gostam de outras meninas. Algumas são lésbicas e não gostam de sexo com caras. Algumas delas encontram muitas pessoas com quem elas são convidadas a fazer sexo sem nenhuma vontade. Mas elas o fazem de qualquer maneira, e elas fazem bem, porque aprenderam a fingir.

Os diretores, em última análise, não se importam, desde que a artista tenha a habilidade de “agir” como se estivesse desfrutando de tudo o que ela faz. Sabemos que com uma boa filmagem e alguma edição criativa, você nunca será capaz de saber a diferença.

Sobre os jatos de ejaculação feminina:

Há algum debate sobre se a ejaculação feminina é mesmo possível. Mas posso dizer que, quando se trata de assistir filmes pornô, o que você vê não é sempre a verdade.

Para cada cena genuína de “esguicho”, há muitos, muitos casos em que a garota está realmente urinando, ou nós damos uma pausa da filmagem para que a atriz possa encher sua vagina com água usando um funil. Sim, isso realmente acontece.

Sobre sexo sem preservativos:

Apesar de todos os artistas serem testados a cada 14 a 30 dias, as DST curáveis ​​são desenfreadas dentro dessa indústria. Eu conheço alguns artistas que pegam essas DSTs com tanta frequência, que desenvolveram uma tolerância aos medicamentos de tratamento.

Isso não é uma acusação aos indivíduos envolvidos, é simplesmente um jogo de números. Qualquer indivíduo, em qualquer cenário, sob qualquer circunstância, que fez uma quantidade de sexo aleatória sem proteção como uma estrela pornô, experimentaria o mesmo.

Se você alguma vez está em dúvida, apenas siga minha regra de ouro: Nunca tenha relações sexuais desprotegidas com alguém que você não tem total intimidade.

Você se espantou com alguma dessas verdades contadas sobre o mundo dos vídeos pornô? Tem o costume de assistir a pornografia frequentemente? Comente abaixo!

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (3 votos, média: 4,67 de 5)
Loading...

RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*