Casal na cama

Com Que Frequência Você Deve Fazer Sexo?

Um recente estudo revelou a frequência com que os casais costumam fazer sexo de acordo com sua idade. Será que você tem feito todo o sexo que deveria?

Essa é uma pergunta que provavelmente você já se fez em vários momentos da sua vida, desde a primeira vez que você recebeu sexo oral quando era mais novo, até o momento em que você tenta dar uma rapidinha com a sua mulher enquanto as crianças estão distraídas com algum desenho. Mas quanto sexo você deveria estar fazendo realmente?

É uma pergunta difícil de responder, especialmente quando vamos envelhecendo. Embora a maioria de nós, obviamente, gostaria de passar nossas vidas em um estado perpétuo de muita disposição sexual, a verdade é que as responsabilidades do trabalho e da vida comum do dia a dia muitas vezes ficam no caminho, e fica cada vez mais difícil descobrir como encaixar o sexo na sua vida.

Isso, porém, não impediu os especialistas em sexo de tentar resolver esta questão. Recentemente, um estudo escrito pela Revista Playboy tentou determinar, de uma vez por todas, o quanto de sexo você deveria fazer em várias idades.

A frequência média de relações sexuais entre pessoas entre 18 e 29 anos foi de 112 vezes por ano, ou duas vezes por semana, enquanto a média foi de 69 vezes por ano para pessoas entre 40 e 49 anos, ou cerca de cinco vezes por mês e assim por diante.

Mas há um problema óbvio com a pergunta “Com que frequência devo fazer sexo?”, uma vez que ela apresenta uma resposta um tanto quanto óbvia: Você deve fazer quanto sexo quiser, durante todas as fases da sua vida.

Porém, devemos levar em consideração, é claro, que essa realidade pode ser bem diferente quando falamos em termos práticos. A maioria das pesquisas mostra que o sexo tende a cair após o casamento – não devido à falta de interesse, mas devido a outras responsabilidades da vida, como ter filhos, interferindo na atividade sexual.

Um bom exemplo disso é quando você está cansado de uma semana ruim no trabalho, chega em casa na sexta-feira à noite, e tudo o que você quer na sua vida é tomar um bom banho e assistir a um jogo de futebol em silêncio, enquanto sua mulher quer basicamente fazer o mesmo, porém, assistindo a alguma série na Netflix, e nesse momento, o sexo realmente não é uma prioridade para vocês.

Isso significa que você ou ela não estão mais tão dispostos a transar ou que não há mais interesse? Não. Mas significa que as pressões da vida têm deixado vocês cansados demais mesmo para querer transar na sexta-feira depois do trabalho. No sábado, talvez, a energia dos dois já esteja renovada.

Além dessas responsabilidades, outros estudos indicaram que há um número específico de vezes que você deveria estar fazendo sexo por semana, e um desses estudos indicou que fazer sexo uma vez por semana é suficiente para alcançar a felicidade (embora que tipo de felicidade – familiar? Pessoal? Um sentido geral do tipo de iluminação espiritual incorporada por gurus no Instagram? Isso já não ficou claro na pesquisa).

O problema de determinar quantas vezes você deveria estar fazendo sexo, no entanto, é que isso se baseia na ideia de que há um número em comum que funciona para todos – e não existe.

Parece haver essa ideia generalizada de que manter uma vida sexual saudável é como um diabético mantendo seu nível de açúcar no sangue: se você estiver com os níveis muito baixos ou muito altos, você está em perigo, mas não é bem assim.

Embora existam algumas pesquisas para apoiar a ideia de que ter alguns orgasmos por semana é benéfico para sua saúde, não há motivos para acreditar que haja uma cota para relações sexuais obrigatoriamente e que não aderir a essa cota faz de você um namorado ou marido ruim. (E acredite, algumas vezes ela não quer fazer sexo tanto quanto você, e isso é normal.)

Em nossa cultura, há uma sensação de que você tem que manter uma certa quantidade de sexo para manter um estado de equilíbrio em seu relacionamento, e que existe um recurso que pode dizer a você, com certeza matemática, qual é esse número exato. Mas vamos falar a verdade: todos sabemos que isso sempre irá variar de uma pessoa para outra.

Na verdade, para pessoas casadas em particular, há uma enorme discrepância: enquanto 34% das pessoas casadas ​​fazem sexo duas a três vezes por semana, como o New York Times informou em 2009, outros 15% dos casais não tiveram relações sexuais em um prazo de seis meses a um ano. Há muitas razões para esta seca sexual no meio do casamento, incluindo o estresse relacionado ao trabalho, ter filhos e níveis hormonais pós-parto para as mulheres que deram à luz. Mas seja qual for a causa dos períodos sem sexo, eles são muito mais comuns do que você pensa.

Dito isto, você provavelmente deveria ficar preocupado nos casos em que sua vida sexual está completamente parada por muito tempo, mas sem nenhum motivo aparente. Se você achar que está fazendo sexo demais, isso pode não parecer um problema, mas só o fato de você achar que está acima do que você precisa já mostra que você pode dar uma desacelerada.

O que não é um problema, no entanto, é se você e sua parceira estão tentando se ajustar da melhor maneira possível em relação ao sexo, porque isso é um problema que, literalmente, todos os casais da face da terra têm.

Então, a menos que você seja o Leonardo Di Caprio e esteja acostumado a ter uma libido altíssima e todas as mulheres aos seus pés, pare de se preocupar se você está fazendo sexo suficiente e comece a se preocupar se o sexo que você está fazendo é bom, tanto para você quanto para sua parceira.

RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Você está satisfeito com a quantidade de sexo que tem feito atualmente? Com que frequência têm ocorrido suas relações sexuais? Comente abaixo!

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*