Orgasmo feminino

7 Lições Sobre o Orgasmo Feminino

Dê a ela o melhor orgasmo de toda sua vida. Talvez você teve aulas de educação sexual no colégio, e se teve, deve se lembrar de uma coisa: a aula sobre orgasmo feminino.

As mulheres querem tê-los e os homens querem dá-los, porém em teoria, não é algo que os homens consigam fazer com muita frequência.

Se as mulheres se sentem muitas vezes confusas em relação ao próprio orgasmo, você deve estar pensando se ainda vale a pena ter esperanças, mas ao que parece, deve ter sim, e muitas.

É claro que o orgasmo feminino é algo inconstante, mas se você seguir essas 10 lições sobre o orgasmo feminino terá o conhecimento que precisa para começar e finalmente ver isso acontecendo ao vivo e a cores. Então sente-se e preste atenção!

1. Faça com que ela se esqueça das horas

Da mesma maneira que você fica preocupado em demorar mais para gozar, muitas mulheres são tão auto-conscientes em relação ao tempo que estão demorando para atingir o orgasmo que decidem fingir que estão tendo para acabar com tudo.

A solução? Pare de ficar obcecado com o orgasmo seu e dela. Um estudo realizado por pesquisadores suecos usando imagens cerebrais mostrou que o relaxamento é o fator mais importante quando se trata de fazer uma mulher chegar ao orgasmo.

Então, diga a ela que você tem todo tempo do mundo. Quanto melhor você aparentar não apenas tolerância com o tempo, mas também a apreciação do prazer sexual dela – com ou sem orgasmo –, mais fácil será para ela relaxar e “explodir”.

Além do mais, estudos mostram que uma mulher leva entre 15 a 40 minutos em média para atingir o orgasmo. Fica a dica.

2. Excite-a com o seu talento

O melhor sexo começa muito antes de tirarem as roupas. Talento – mais do que uma boa aparência ou um abdômen tanquinho – é um poderoso afrodisíaco, de acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto Kinsey da Universidade de Indiana nos Estados Unidos. E menos surpreendente, falta de higiene e uma casa bagunçada estão entre os maiores “brochadores” das mulheres.

3. Fale com ela quando ela estiver nua

As mulheres que se preocupam com a sua aparência, principalmente com a da sua vagina, estão menos propensas a chegar facilmente ao orgasmo durante o sexo oral, de acordo com a pesquisa.

Em um estudo recente publicado no Journal of Sex Research as mulheres que se sentem constrangidas ou com vergonha dos seus corpos, têm menos experiência sexual e são menos confiantes em relação ao sexo.

Claramente, você tem tudo a ganhar ao elogiá-la. Se você ama a aparência dela quando está sem roupa – e você ama, certo? -, diga isso a ela.

4. Seja sempre carinhoso

Durante as preliminares, acaricie suavemente as blusas, calças, e os lados de seus seios – esta área é realmente mais sensível do que o mamilo.

Mova-se gradualmente em direção a seus mamilos. Preste atenção em como ela responde.

Conforme as coisas esquentam, os mamilos ficaram corados e os receptores sensoriais ficaram preparados para a estimulação direta. Você vai alavancar o fluxo de sangue e lubrificação lá em baixo.

5. Aprenda quais são seus pontos chaves

Uma coisa que muitas mulheres adoram durante a estimulação manual: que seja feito lentamente.

Veja uma dica de como fazê-la: Deite ao lado dela, colocando levemente a palma de sua mão acima do clitóris. Agora coloque o seu dedo indicador e médio ao longo do comprimento de seus lábios vaginais. Acaricie a pele em primeiro lugar, aumentando a pressão conforme a tensão aumenta. Envolva a área ao redor do clitóris com a palma da mão para adicionar estimulação indireta – a maioria das mulheres são muito sensíveis para receber contato direto desde o início.

Conforme ela relaxar, coloque sua mão sobre o púbis – área carnuda que cobre o osso púbico – e provoque o clitóris com seus dedos conforme move toda a sua mão.

6. Use vários movimentos

Para maximizar o prazer, aumente a quantidade de contato com as partes mais sensíveis do corpo da sua parceira.

Veja este movimento que é capaz de deixá-la louca: Peça a ela para se deitar com as pernas esticadas. Agora suba em cima dela, coloque seus braços ao redor dos seus ombros, apoiando-se com os cotovelos, e coloque seu peito em cima do queixo da sua parceira.

O objetivo é fazer com que a base do seu pênis fique em contato com o clitóris dela. Pressione lentamente, focando no movimento de baixo para cima, ao invés de dentro para fora como na penetração.

7. Aprenda a sentir o orgasmo feminino

Vá devagar com o sexo oral em vez de ir “correndo para o ataque”. Primeiro, beije o interior de suas coxas e os lábios internos e externos. Em seguida, vá em direção à parte de dentro da vagina usando a sua língua de forma firme e forte. Preste atenção nos seus quadris, pois eles lhe darão uma pista de qual o ritmo que ela gosta. Ouça seus suspiros e gemidos conforme você vai usando técnicas diferentes.

Observe os sinais que demonstram se ela está perto de chegar ao clímax, como uma mudança sutil na cor de seus lábios causado pelo aumento do fluxo sanguíneo, ou coloque a mão em sua barriga e sinta as contrações musculares que precedem imediatamente o orgasmo.

8. Siga o exemplo dela

Quando você chegar até o ponto de ter um orgasmo, pode aparecer o ser mais bizarro tocando uma tuba e dançando de calcinha que mesmo assim você terá seu orgasmo; porém, as mulheres podem desligar o interruptor se você parar ou mudar o movimento no meio do caminho.

Elas adoram quando os homens tentam coisas novas e diferentes, e variar a técnica é algo muito importante, mas uma vez que você encontrou o caminho certo, mantenha-o até ela cruzar a linha de chegada.

Seguindo essas 7 lições sobre o orgasmo feminino, você será capaz de levar qualquer uma à loucura.

Você costuma conseguir fazer sua mulher chegar ao orgasmo? O que acha que falta, se não? Comente abaixo!

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (3 votos, média: 4,00 de 5)
Loading...

 

Um comentário

  1. Sou viciado em minete

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *